Criando um e-commerce: passo a passo para colocar sua loja no ar
Embora a criação de uma loja virtual seja uma tarefa relativamente fácil, colocar no ar um site eficiente que funcione como uma verdadeira máquina de vendas é algo totalmente diferente. Isso porque, para alcançar o sucesso é preciso determinação, planejamento e muito estudo, sem contar na necessidade de definir alguns aspectos fundamentais como o domínio, layout do site ou oferecer ainda uma excelente experiência aos usuários.

Além destes desafios, o empreendedor também deve definir uma ótima plataforma de vendas e pensar, é claro, no sistema de logística que atenderá a demanda de seus clientes. De modo geral, para administrar todos esses detalhes é preciso ter conhecimento e se preparar para cada uma dessas escolhas.

Inspirados nisso, no artigo de hoje vamos mostrá-los como começar a criar o seu e-commerce e tirar sua ideia do papel passo a passo. Continue conosco e descubra como definir alguns tópicos essenciais para sua loja virtual!


Escolhendo o domínio

O domínio nada mais é do que a identidade de uma empresa na internet. Geralmente ele é constituído pelo nome mais uma extensão — que identifica o segmento de atuação. Enquanto empresas nacionais utilizam, por exemplo, o prefixo “.com.br”, órgãos governamentais são destacados pelo prefixo “.gov” e assim por diante.

De modo genérico, o domínio de uma empresa comercial tende a seguir o formato:
 
“www.nomedasuaempresa.com.br”

Mas, afinal, como escolher um domínio interessante para um e-commerce vender mais?

Confira as dicas que trouxemos a seguir.


Simplicidade

A escolha de um domínio é um momento muito importante, já que a partir disso a sua empresa passará a ser reconhecida e encontrada na internet. Por isso, recomenda-se a utilização de um domínio simples e fácil de ser guardado na memória dos consumidores. Além disso, deve conter algo que se assemelhe a você ou a sua marca propriamente dita.

Portanto, dê preferência em nomes com no máximo duas palavras e se atenha a uma composição média de 9 letras, sem considerar a extensão “.com.br”. Dessa forma, o domínio será mais fácil de ser lembrado e acessado. Outro ponto importante é evitar o uso de números e símbolos. Isso porque devemos procurar oferecer a melhor experiência para o usuário, tornando o seu acesso mais prático e não complicado.


Criatividade

Chegar até o nome ideal para uma empresa é uma tarefa que exige o máximo de comprometimento e criatividade. Embora não seja fácil, é preciso ter em mente que a criatividade, nesse caso, é indispensável para o sucesso do seu negócio, afinal, muitas pessoas passarão a consumir e conhecer os seus produtos a partir do domínio escolhido.


Originalidade

Seja original. Antes de registrar o seu domínio, é importante verificar se não existe nenhuma empresa que já utiliza o nome escolhido, ainda que não seja efetivamente igual, mas remete a identidade de outra página na internet, sobretudo quando se trata de concorrentes diretos. Além de comprometer a eficiência do e-commerce, essa prática pode gerar problemas legais no futuro.


Criando o seu site

Após definir o domínio que melhor se adapta às necessidades do seu negócio, chegou a hora de desenvolver o conteúdo do seu site. Um ponto que merece atenção neste quesito é justamente o design da página que, embora muitas pessoas apenas pensem na beleza, é preciso também considerar questões como a experiência dos usuários, design responsivo, interatividade, entre outros.

De nada adianta ter um site visualmente bonito, mas pouco funcional. Pensando nisso, trouxemos alguns pontos que devem ser levados a sério para oferecer a melhor usabilidade aos usuários. Acompanhe!


Experiência do usuário

Também chamada de UX ou User Experience, a experiência do usuário passa diretamente pela forma de interação dos usuários com o site. Em geral, quando o consumidor apresenta dificuldades em navegar pelas páginas do seu e-commerce, provavelmente ele não voltará a comprar da sua empresa, justamente pela experiência negativa.

Por outro lado, pessoas que navegam mais rapidamente entre as páginas e podem encontrar com facilidade tudo aquilo que estão buscando para sanar um problema resultam em uma boa experiência. Em consequência, ele possivelmente voltará a fazer negócios com a sua empresa com mais frequência.


Servidor

De acordo com um levantamento realizado pela agência Tribute Media, o tempo médio de permanência em uma página é de apenas 7 segundos. Isso significa que, caso demore muito tempo para abrir uma página simples, por exemplo, ele poderá abandoná-la sem comprar nada.

Nesse contexto, o primeiro aspecto a ser observado para garantir uma visualização rápida do seu conteúdo é a partir de um serviço de hospedagem de qualidade. Com isso, além de minimizar o tempo de carregamento, as páginas serão também otimizadas no mecanismo de busca do Google.


Atratividade

Dentre os aspectos fundamentais para favorecer a boa experiência do usuário durante a navegação do seu site está a funcionalidade e a velocidade de abertura das páginas. Entretanto, isso não significa que o seu e-commerce deve ser cansativo e monótono. Sendo assim, é muito importante utilizar elementos que garantam a atratividade da sua página, como o uso de imagens de alta resolução, cores chamativas e textos que prendam a atenção do usuário.


Testes

Outro aspecto muito importante para criar um e-commerce de sucesso é a realização de testes. Para encontrar o resultado perfeito para sua página, é muito importante fazer testes em diferentes níveis e/ou funcionalidades. Por isso, antes de definir o layout ideal ou o tempo de navegação adequado, verifique tudo aquilo que de fato se alinha à sua persona, afinal, algo que funciona para determinado nicho pode não ser recomendado para você.


Design responsivo (mobile)

Com a popularização da internet, o uso de smartphones passou a ocupar um patamar elevado. De acordo com estudo divulgado pela FGV, em 2020 haviam mais de 234 milhões de smartphones ativos no Brasil, sendo este número ainda maior se considerarmos o uso de notebooks e tablets.

Considerando que 50% de toda navegação dos e-commerces advém dos dispositivos móveis, não é difícil imaginar a importância de oferecer um design responsivo para os consumidores. Para ficar mais claro, o design responsivo trata-se da adaptação de uma página na internet para dispositivos móveis.

Ou seja, os sites com design responsivo podem ser tanto acessados por computadores e notebooks, quanto por smartphones e tablets, por exemplo. Nesse sentido, cuidar desse aspecto é um divisor importante para os negócios que obtêm sucesso em suas estratégias digitais e os e-commerces que recebem poucas visitas.

E aí, gostou do post? Então, o que acha de conhecer um pouco mais sobre as soluções em criação de sites que oferecemos para o seu negócio? Basta entrar em contato conosco!